segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Sporting 1-2 FC Porto

O Sporting tornou a perder outro clássico, desta feito com o FC Porto, caindo o mito de que Jesualdo Ferreira não conseguia ganhar a Paulo Bento fora do Dragão.
O FC Porto jogou melhor e a vitória é justa.
Marcou 1º Lisandro Lopez, regressando aos golos. Tomáz Costa esteve muito bem ao fazer o cruzamento, ao invés de Grimi que foi muito lento a defender a bola e ainda por cima atirou-se para o chão. Caneira fez falta.
Ainda na 1ª parte, João Moutinho marcou de grande penalidade o golo do Sporting. Tomaz Costa foi muito anjinho no lance que deu origem ao castigo. Portanto, o argentino esteve no melhor e no pior.
O golo da vitória foi marcado por Bruno Alves, num livre exímio, sem hipóteses de defesa. Foi um pontapé fortissimo e muito bem executado.
No global, o Porto foi o que mais lutou pela vitória.
Fucile regressou aonde nunca devia ter saído (à lateral esquerda), Bruno Alves esteve excelente e Rolando ainda não transmite tranquilidade. Nuno também esteve bem na baliza. Aliás, acho que ele é que devia ser o titular do FCP, pois tem melhor qualidade que Helton, que falha nos jogos decisivos.
No Sporting, alguma passividade ofensiva e defensiva (Grimi). Rochemback vai jogando cada vez pior porque é muito lento. Não tem velocidade e o Sporting sai a perder.
Na verdade, o Sporting vai denunciando que o bom arranque de época foi uma mera ilusão, pois a equipa não tem competitividade para ganhar a equipas (mais) fortes. E aqui englobo 4: Real Madrid, Barcelona, Benfica e FC Porto.
Afinal, quem pagou a conta foi o Sporting...

1 comentário:

Juan disse...

O Sporting comezou moi ben o campeonato ligueiro pero agora está en mau situaçao.

Um saúdo.
http://marcador-deportivo.blogspot.com/