segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

Estatistica "Desportubol"

À semelhança do que fiz o ano passado, publico a contabilização dos "Positivos" e "Negativos" das 12 jornadas já realizadas nos campeonatos profissionais.

LIGA SAGRES


Pelo quadro, nestas 12 jornadas, o clube que mais positivos teve foi o sensacional Leixões, enquanto que Académica e V. Setúbal, fruto da época cinzenta que estão a ter nunca foram considerados como o melhor da jornada, Do lado negativo, a pior equipa ao longo das jornadas foi o Trofense, enquanto que Nacional e Naval nunca foram o pior da jornada. A equipa mais citada foi o Leixões por 9 vezes (erro na pintura da célula) e a menos a Naval. Do lado das personalidades, os treinadores, assinalados a amarelo, foram os relativamente mais citados, sendo que Liedson, Braga e Lito Vidigal foram os preferidos.

LIGA DE HONRA

Neste campeonato, a estatística diz-nos que o líder Olhanense foi o que mais elogios recolheu, enquanto que o Sp. Covilhã tem zero. No lado oposto, há muitas equipas que nunca foram criticadas, mas os últimos da tabela foram os mais penalizados. Os clubes mais citados foram Olhanense, Gondomar e Oliveirense, enquanto que Freamunde e Gil Vicente, devido ao campeonato tranquilo que estão a fazer, foram os menos assinalados.
No que diz respeito às personalidades, muitos treinadores já foram assinalados e todas elas só o foram ou pela positiva ou pela negativa. Os mais elogiados foram Djalmir e Ukra, curiosamente do clube que mais positivos recolheu e o mais criticado foi Daniel Ramos, treinador do Gondomar.

domingo, 21 de dezembro de 2008

SL - 12ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA

  • Belenenses. Era o último, mas deixou de o ser porque deu a volta ao jogo e ao resultado, acabando por vencer por 3-2 o Trofense. Nenhum dos golos foi português.
  • P. Ferreira. Conseguiu, sem William, uma vitória importantíssima frente ao V. Setúbal que o catapultou para o 11ºlugar, numa posição bem mais tranquila. Outra aspecto a assinalar são as melhorias defensivas, pois terminou mais um jogo sem sofrer golos.
  • Rentreria. O colombiano marcou o golo da vitória que permitiu ao Sp. Braga ser o único dos 7 primeiros a vencer. Após jogos em que desperdiçou muitos golos (por ex. contra o V. Guimarães), o atacante parece estar a encontrar a melhor rota. Foi a sua estreia a marcar na Liga
  • Benfica. Apesar do empate é o CAMPEÃO DE INVERNO.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Trofense. É inaceitável o penúltimo estar a ganhar ao último por 0-2 ao intervalo e perder 3-2 no fim. Depois do jogo de hoje, se dúvidas tivesse, ficaram desfeitas: o Trofense é o maior candidato à descida da divisão.

LH - 12ª Jornada

Nesta jornada, os dois primeiros empataram, mas parte da concorrência também perdeu pontos, com excepção do Feirense que ganhou. Lá por baixo, dos 5 últimos à partida para a jornada 12, só a U. Leiria empatou, vencendo os restantes.
O campeonato ganhou novo equilíbrio, sendo 11 pontos a separar primeiro e último.

POSITIVO DA JORNADA
  • Feirense. Galgou 1 lugar na tabela é o 3º classificado, mas beneficiou da derrota de Varzim e dos empates dos dois da frente. A equipa de Chaló fecha o ano em beleza e a três escassos pontos da liderança e com a melhor defesa.
  • Yazalde. Bela despedida do jovem poveiro. Vai dar o "salto" neste mercado de Inverno para a Liga, para o Sp. Braga. Nada melhor que bisar no adeus ao clube de formação.
  • Carlitos. Outro jovem em destaque. Tem 20 anos e tem sido aposta de Pedro Miguel na Oliveirense. É um jogador formado no clube e marcou o 1º golo da sua equipa que apesar de ter vencido, não largou o último lugar. Penso que é um dos casos mais flagrantes de uma equipa que tem de ser reforçada em Janeiro, pois é vitima de lesões constantes.
  • Gondomar. Uma vitória conseguida a ferros no Bessa, que o tira dos lugares de despromoção.

NEGATIVO DA JORNADA

  • U. Leria. É melhor começar a redefinir objectivos. Conseguiu um empate em Olhão, mas deve encara-lo, não como a soma de um ponto, mas como a perda de dois. O problema tem várias explicações: a troca de treinador, a instabilidade directiva, os problemas financeiros, a renegociação salarial, etc. Em termos práticos, a União está em penúltimo, numa posição delicadíssima.
  • Portimonense. Nos últimos 7 jogos apenas venceu 1. A equipa, após um inicio regular, tem vindo a decair. Esta semana perdeu 4-1 na serra. Está em 10º lugar, mas a apenas a 3 do último lugar.
  • Boavista. Está a cair a cada jornada que passa, depois de um bom arranque. Não sei se são os problemas financeiros a afectar a equipa, mas a verdade é que está em 13º lugar.

Manchester United campeão do Mundo


O Manchester United de CRISTIANO RONALDO conquistou o campeonato mundial de clubes ao vencer por 1-0 o LDU Quito do Equador.

O golo solitário da partida foi marcado por Rooney, que considerado o melhor jogador. Já CR7, que fez a assistência para o golo, foi o segundo melhor jogador do torneio, juntando mais um título e distinção ao seu espólio.

sábado, 13 de dezembro de 2008

TP - 1/8 final

Apurados: FC Porto, E. Amadora, Naval, Leixões, At. Valdevez, P. Ferreira, Nacional, V. Guimarães
Eliminados: Cinfães, Ol. Moscavide, Portimonense, Benfica (!), Santa Clara, Vizela, Trofense , V. Setúbal


Ainda faltam muitos jogos, mas dos já realizados, nota-se que os resistentes das divisões inferiores estão a ser sucessivamente eliminados.

Em Cinfães, fez-se a festa da taça. Muito público nas bancadas, muita festa e um FC Porto muito tímido. Uma 1ª parte equilibrada, com o FCP um pouco inconsistente, ditaram um nulo no intervalo. Na 2ª parte chegou a emoção: Farias, Guarin (2) e Candeias marcaram os golos. Aproveitaram bem a oportunidade os menos utilizados de Jesualdo Ferreira. Sérgio Silva marcou o golo do Cinfães.

A Naval goleou o Portimonense por 3-0. Um resultado conseguido na 2ª parte (Dudu, Marinho e Marcelinho)

Já o E. Amadora viu-se muito aflito para vencer o Ol. Moscavide, marcando no último minuto de compensação do prolongamento por Anselmo

No Mar, deu-se uma das surpresas: o Benfica foi eliminado da Taça pelo Leixões, nos penaltis (0-0). Beto, a figura da partida, defendeu o penalty decisivo marcado por Nuno Gomes. O verniz estalou no Benfica. Basta ver a foto. O gesto e cara de Rui Costa dizem tudo.

Quando as coisas começam a correr mal, perde-se o fair play ... Depois da Taça UEFA, é a segunda eliminação no mesmo mês. A exibição do Benfica foi razoável, mas Reys não esteve bem e Aimar ainda não o vi a fazer um jogo de jeito. Do lado do Leixões, incontornavelmente, Beto esteve sublime, fazendo uma exibição de altíssimo nível. A restante equipa foi muito eficaz a defender e realizou uma boa exibição.
Nos Arcos de Valdevez, outra surpresa. O Atlético goleou 3-1 o Santa Clara que acusou o desgaste das últimas semanas. Léo Souza marcou os 3 golos. Está a fazer história!
Nos restantes jogos, o Trofense ainda não acertou passo. Foi eliminado pelo Nacional. Em Vizela, o mesmo se pode dizer. Perdeu 4-0 com o P. Ferreira. O V. Setúbal tornou a perder. 0-1 como o V. Guimarães.
Foto: LUSA

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Semana Europeia

Esta semana está a correr muito bem às equipas portuguesas:

Basileia 0-1 SPORTING

FC PORTO 2-0 Arsenal


O FC Porto conseguiu a liderança do grupo, enquanto que o Sporting manteve-se no 2º lugar. Ambos já conseguiram a passagem aos 1/8s final

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

LS - 11ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Benfica. É o novo líder da Liga. Deu show na Madeira (6-0). Reyes, Luisão, Nuno Gomes (2) e Suazo (2) marcaram os golos. Aliás o último está num excelente momento de forma

  • Rio Ave. Alívio é a melhor palavra que encontro para descrever o Rio Ave nesta jornada, por vários motivos. Venceu, não sofreu golos, largou o último lugar, subiu várias posições e sacudiu, por enquanto, a insatisfação quanto ao trabalho do treinador João Eusébio.

  • Fajardo. A pressão era muita. Há mais de um mês que o Vitória não ganhava e ainda não tinha ganho em casa. O jogo era contra o líder da Liga, o que complicava ainda mais as contas. Na defesa, um dos grandes problemas do Vitória esta época, se Moreno estava de regresso, Andrezinho estava impedido. Ora, Lionn estreou-se e foi um dos melhores em campo. O Vitória venceu graças a um golo de Fajardo perto do fim, com o júnior Lucas e Nuno Assis na jogada. O Vitória salta para 8º lugar, estando agora mais tranquilo.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Belenenses. Caiu irremediavelmente para último lugar, mercê da derrota na Madeira. Culpar as arbitragens não serve de nada, porque não vai mudar nem os resultados nem o 16º lugar na tabela classificativa. Para complicar, Académica e Rio Ave ganharam.

  • Marítimo. Que imagem horrível que deixou ontem. Estar em posição europeia e levar 6 em casa! É muito mau.

  • Leixões. Perdeu a liderança em Guimarães e tornou a sofrer um golo perto do fim e desta vez com desatenções defensivas. A equipa desconcentra-se nos últimos minutos e já perdeu 3 pontos nas duas últimas jornadas.

domingo, 7 de dezembro de 2008

LH - 11ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Ukra (Olhanense). Torna a ser uma das figuras da jornada. O médio de 20 anos foi vital na vitória 1-3 em Freamunde. Marcou o 1º golo da partida, logo a abrir e ainda foi fundamental no 2º golo de Toy. Já agora, porque razão o nome dele não figura no plantel do site do Olhanense?
  • Beira Mar. Mais uma vitória em casa e para Bruno Moura, o técnico que nem é fixo nem é provisório. Está a deixar óptima impressão e as vitórias estão a aparecer. Os 2 golos foram marcados por Fangueiro, que no esquema do novo treinador está a render bastante, pois já marcou 6 golos. O público, por outro lado, também parece estar a corresponder aos apelos da direcção. O estádio, esta tarde, esteve relativamente mais composto que o costume. O Beira Mar, a flutuar na tabela, está agora em 5º lugar
  • Gondomar. Venceu em casa por 2-1 frente um adversário difícil, o Varzim. O seu jogo continua muito intermitente e dependente de Castro e Bruno Severino. A vitória desta parte não permitiu sair dos lugares de descida, mas a situação está muito equilibrada na parte de baixo da tabela.
  • Rincon. Pontaria afinada do veterano ponta de lança brasileiro. Bisou esta manhã, permitindo que o Santa Clara se isolasse no 2º lugar, mercê dos resultados desfavoráveis dos adversários. Aliás, o terceiro golo da equipa foi marcado por Ruben Rodrigues, um açoriano formado no Sta Clara.
  • Feirense. Subitamente ascendeu ao 4º lugar, vencendo num terreno difícil, em Portimão. Moisés, Gabi e Marco Cadete marcaram os golos.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Oliveirense. É uma presença constante nestes destaques. Esta semana perdeu em Aveiro por 2-1 e caiu para último. Nem tudo é mau: Bruno Sousa estreou-se marcar. A direcção tem de aproveitar bem o mercado de inverno para corrigir as falhas no planeamento da época, sob pena de não largar os dois últimos lugares.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Braga europeu


O Sp. Braga qualificou-se ontem à noite para os 1/16 avos final da Taça UEFA.

Venceu por 1-2 o Hereveen.

Na verdade, esteve a perder por 1-0, mas Rentreria, após cruzamento de Meyong, marcou o golo do empate e Luís Aguiar, num livre soberbo, marcou o golo da vitória. A 2ª parte foi um bate-bate coração, até aos 90's. Moisés, Eduardo e João Pereira brilharam na defesa. Mais um objectivo da época está conseguido: a passagem à fase seguinte.

Os louros não ficam por aqui: em 10 jogos, os bracarenses conseguiram 8 vitórias e 2 derrotas e em todos os jogos grandes exibições, ainda por cima, tendo em conta a pouca experiência de Jorge Jesus em competições europeias. Não é para todos!
Image: www.ojogo.pt

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

LS - 10ª Jornada

Apesar da jornada não estar completa, o facto de 5 juniores terem sido convocados (2 dos quais jogaram) chamou-me particularmente a atenção e pergunto: terão os clubes portugueses mudado de filosofia ou são os reflexos da crise?
Sporting: Pedro Mendes e Cédric Soares
V. Guimarães: Lucas e Vítor Bastos
Belenenses: André Almeida

POSITIVO DA JORNADA
  • Sporting. De volta às vitórias e às boas exibições (ainda que muito facilitada pelo adversário). Liedson e Postiga marcaram os golos que permitem aos leões recuperar terreno. Já agora merece aplausos a opção de Paulo Bento pela formação: 10 na ficha de jogo.
  • Trofense. Finalmente ganhou em casa. Foi a 2ª do campeonato, equilibrando as contas no fundo da tabela. Valdomiro e Pinheiro, curiosamente os mais regulares da equipa que subiu a época passada, marcaram os golos.

NEGATIVO DA JORNADA

  • V. Guimarães. Está irreconhecível. Ontem a defesa foi um vergonha. Não se aproveitou ninguém. Manuel Cajuda fez uma má escolha em lançar Vítor Bastos, um defesa, ainda júnior, num jogo contra o Sporting e numa época de crise de resultados e ainda por cima sem a experiência da Liga Intercalar. Um erro que custou muito caro. Mas a culpa não foi só dele. Momha esteve também mal. Uma falha de marcação irresponsável a Liedson deu no 2º golo. Nuno Assis esteve lento e contraproducente. Se é para jogar assim, mais vale ir para o banco. Por outro lado, houve falta de inteligência na organização e pensamento do jogo. Porque razão o Vitória não explorou as alas do Sporting. Obrigaria os laterais sportinguistas a correr (recorde-se que o adversário jogou 3ª feira contra o Barcelona) e nem era Abel que estava na direita. O Vitória teve ontem jogadores muito preguiçosos e desatentos com uma exibição muito má. Está em 11º lugar a 3 pontos do último.
  • Belenenses. Caiu para a penúltima posição. Os problemas do Belenenses não são novos: pouco critério nas contratações, problemas financeiros e falta de resultados.
  • Quim. O que se passa? Desde que foi à selecção nunca mais foi o mesmo. Frangos, atrás de frangos, custaram a liderança ao Benfica e ainda por cima nos descontos!!!

(Post susceptível de ser completado)

domingo, 30 de novembro de 2008

LH - 10ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • João Tomás (Boavista). Grande golo (o 2º). Foi de grande e belo efeito e execução. Tomás bisou, tirando o Boavista de crise de resultados que se encontrava para gáudio dos 2.114 espectadores que foram ao Bessa
  • Ukra (Olhanense). Foi um dos melhores em campo no encontro que Olhanense venceu o Beira Mar por 2-0 e ascendeu à liderança da LH. Ukra marcou o 2º golo da equipa e está a aproveitar muito bem a rodagem pelo Algarve (já que está emprestado pelo FC Porto).
  • Luís Pedro (Freamunde). É o sub-19 sensação de Freamunde e do campeonato porque está no seu 1º ano de sénior e é muito talentoso. Joga no sector recuado e marcou o seu 1º golo e logo o da vitória (1ªfora) frente ao D. Aves, colocando a sua equipa em 5º lugar.
  • Oliveirense. Finalmente ganhou e marcou (desde 5/Outubro) apesar de não ter convertido uma grande penalidade. Jefferson e Godinho marcaram os golos que tiraram a equipa do último lugar, mas não (ainda) de posição de descida


NEGATIVO DA JORNADA
  • Daniel Ramos. A margem é cada vez mais curta e a sua equipa ainda não convenceu. Perdeu num jogo importante em Vizela. O ataque é o pior do campeonato (marcou apenas 5 golos em 10 jogos). A defesa, por oposição, é das melhores. O treinador ainda não encontrou a fórmula certa para a frente de ataque ...
  • Sp. Covilhã. Não vence há praticamente 2 meses (desde 5/Outubro). Está no meio da tabela (9º) e tem um bom ataque, mas o que aconteceu nesta jornada não se pode voltar a repetir: estar a ganhar por 1-0 ao minuto 90 e perder o jogo nos últimos 4 minutos.
  • Estoril. É o "empata" (6 em 10 jogos) da LH. Este foi o 5º consecutivo. A equipa tem estado discreta e está no 11º lugar. Vitórias procuram-se na Linha.

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Semana Europeia

Lamentável a semana europeia para as equipas portuguesas.
As 4 equipas portuguesas sofreram no total 14 (!!!) golos.

VITÓRIA: FC Porto (1-2)
DERROTAS: Benfica (5-1), Sporting (2-5) e Sp. Braga (2-3)


O FC PORTO conseguiu apurar-se para os 1/8s final da Liga dos Campeões ao vencer 1-2 o Fenerbahce na Turqui.


Um resultado excelente para o FC Porto (que até estava numa posição delicada da tabela classificativa da LC) e para a equipa que está numa fase de recuperação de maus resultados. Lisandro marcou os 2 golos.


Depois do Sporting, Portugal contará com 2 equipas nos oitavos de final da Liga do Campeões (precisamente as duas que estavam na fase de grupos).

Relativamente ao Sporting, o jogo já não contava para as contas. Paulo Bento optou por dar minutos aos menos utilizados e à prata de casa. Foi um bom espectáculo de futebol, mas com prejuízo para o Sporting que foi mais uma vez goleado por uma equipa espanhola esta época, desta feita em casa. Caneira anda muito insolente. Tornou a ser expulso.

O Benfica foi a desilusão da semana. Perdeu na Grécia e está numa situação muito delicada, praticamente eliminada. As desculpas não se pedem, evitam-se.

O Sp. Braga teve o pássaro na mão e deixou-o fugir. Esteve a ganhar até aos 80', mas perdeu no fim. Desatenções defensivas condicionaram uma equipa que venceu e convenceu na 1ª jornada do grupo e que tem vindo a cair. Está tudo em aberto para a última jornada.

POSITIVO DA SEMANA: Lisandro
NEGATIVO DA JORNADA: Marco Caneira e Benfica

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

LS - 9ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Bruno China. O capitão leixonense está a realizar uma grande época no líder da Superliga. O Leixões ganhou em Vila do Conde, o Rio Ave, por 2-1. Wesley marcou o primeiro golo, enquanto que China marcou o decisivo. Há que aproveitar a febre em Matosinhos!
  • Quique Flores. O adversários são fáceis, mas a verdade é que o espanhol revolucionou positivamente o futebol benfiquista. Os encarnados não desarmam. Estão em 2º lugar sem uma única derrota. Está muito bem embalado o Benfica.
  • Liedson. O levezinho está de volta aos relvados e aos golos. Marcou na Figueira o golo solitário da vitória do Sporting, afastando algumas nuvens negras.
  • Nacional. É o 3º classificado. Os adversários têm sido os mais fáceis, mas os insulares têm mérito. Ontem ganharam ao Trofense, consolidando o bom arranque de época

NEGATIVO DA JORNADA

  • Trofense. Ficou 'mais último' nesta jornada. Tornou a não jogar bem e a perder. Já vai no 2º treinador e os problemas mantêm-se: falta de atitude. Problemas para Fernando Ramos e Rui Silva
  • Académica. "Gira o disco, toca o mesmo", i.e., uma equipa de mínimos que joga sistematicamente para a permanência, com planteis fracos e desorganização interna (por ex. as criticas que o treinador fez ao sistema de contratações do clube, que apesar dos esclarecimentos, entendi como uma reprovação ao departamento de prospecção). Tem o pior ataque (apesar dos bons avançados) e perdeu 0-2 com o Benfica em casa.

domingo, 23 de novembro de 2008

LH - 9ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Santa Clara. Está a dar "show" a equipa de Vítor Pereira. Uma goleada (5-1) ao Vizela. Passou para a liderança aproveitando a derrota do Olhanense. Tem o melhor ataque e o melhor marcador português (Nuno Santos) da Liga de Honra
  • Manuel Fernandes. Conseguiu a sua 1ª vitória em casa perante 498 espectadores. O central Luiz Carlos marcou o golo que tirou os leirienses da zona mais aflitiva da tabela.
  • Fangueiro. Bisou nesta jornada, tendo marcado já 4 golos no campeonato na estreia de Bruno Moura a jogar em casa. Aliás o Beira Mar melhorou muito desde a saída de A. Sousa, manifestando uma atitude diferente e já conseguiu duas vitórias consecutivas.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Oliveirense. 5ª derrota no campeonato (mais uma ...). De facto a equipa não se dá bem com os ares algarvios. Jogar bem e mandar bolas ao poste não chega, porque é necessário marcar golos ... algo que não acontece desde o dia 5 de Outubro. Nesta jornada ficou mais último
  • Boavista. Não tem dado sequência aos bons resultados iniciais, somando, nesta jornada, a sua terceira derrota consecutiva.
  • Rui Faria. Sofreu 5 em Portimão, agora 4 em Aveiro. Uma defesa que quando começa a falhar, é durante o jogo todo (terceira pior). O D. Aves desceu de 4º para 10º.

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Brasil 6-2 Portugal

Não há engano. Foi mesmo o resultado do particular de ontem.
Portugal não sofria 6 há 53 anos.

domingo, 16 de novembro de 2008

LS- 8ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Leixões. Manteve herculeamente a liderança ao vencer, em Alvalade, o Sporting por 1-0. A destacar há: José Mota, o treinador que tão bem tem montado e motivado a equipa; Roberto Souza, que marcou o golo solitário e Beto que garantiu a vitória, com excelentes defesas, a evitar que alguma bola entrasse na baliza. Até agora brilhante!
  • P. Ferreira. À 8ª jornada, conquistou a sua 1ª vitória (2-1 frente à Naval com golos de Paulo Sousa e William). Foi em casa e frente a um adversário que luta pelos mesmos objectivos. Paulo Sérgio larga o último lugar.
  • Marítimo. Está em crescendo após desconfianças iniciais e as eliminações da TU e da TL. Djalma já leva 3 golos marcados.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Sporting. Novo desaire, em casa e para o actual líder. Está atrás dos concorrentes directos e a comprometer. Mas nem tudo é mau: no jogo de ontem Bento tornou a lançar mais um jovem da formação leonina, o central Daniel Carriço (que nem se saiu nada mal).
  • V. Guimarães. "Muita parra e pouca uva". Arranjou no defeso uma quezília evitável com o FC Porto e só saiu a perder: administrativa, financeira e desportivamente. As competições europeias já eram, sobram as domésticas. No campeonato está na segunda metade da tabela e com muitos pontos perdidos ... Para além disso, a exibição ontem no Dragão foi muito apática e fria. Andrezinho esteve particularmente mal. Espera-se muito mais do Vitória.
  • Trofense. Perdeu num jogo que não era para perder pontos. Está em último e quer-se outra atitude, sob pena de voltar à Liga de Honra. É verdade que ainda há tempo, mas a recuperação de pontos não será nada fácil.
  • E. Amadora. Toda a situação que antecedeu este jogo leva a que seja um destaques da jornada, para além da derrota na Luz.

Imagem: Lusa

LH - 8ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Olhanense. Mantém-se na liderança com uma goleada difícil (3-0) frente à Oliveirense. Com muitas jovens emprestados e com o melhor goleador da prova (Djalmir tornou a marcar e já contabiliza 9 golos marcados. Os outros foram de Rui Duarte e Castro) está a fazer um campeonato acima das expectativas.
  • Varzim. Chegou ao 3º lugar muito discretamente. Venceu na Póvoa o Freamunde por 2-1 com golos de Nuno Gomes e Bruno Moreira.
  • Bruno Moura (Beira Mar). Boa estreia. Deu a volta a um resultado desfavorável acabando por vencer no Bessa por 1-2. A equipa jogou bem e motivada. Fary, que saltou do banco, marcou o seu primeiro golo neste regresso ao Beira Mar precisamente frente à sua anterior equipa: o Boavista. Mesmo com esta vitória, há muitos pontos para recuperar e Bruno Moura é forte candidato a permanecer como técnico definitivo dos aveirenses
  • Rui Miguel (D. Aves). O ponta de lança avense marcou o seu 5º golo no campeonato e este foi muito bem executado, dando a vitória ao D. Aves (1-0) e pondo fim a um jejum de 5 jogos sem ganhar.
  • Santa Clara. Enfiou 4 golos na baliza do Sp. Covilhã e está isolado em 2º lugar. Nuno Santos bisou e Vouhou e André Pinto marcaram os restantes golos.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Oliveirense. Caiu para último lugar. O ataque é ineficaz (2º pior - 5 golos marcados) e a defesa muito permeável (2ª pior- 10 golos sofridos). Os atletas lesionados são muito menos do que no ínicio do campeonato e os resultados poderão estar a reflectir a inexperiência dos jogadores na Liga de Honra
  • U. Leiria. O processo de saída de Paulo Alves foi um pouco confuso. Manuel Fernandes, o sucessor, teve azar na estreia (perdeu 3-2 em Vizela) e a equipa apenas tem mais 1 ponto que último classificado e não ganha à 4 jogos.

domingo, 9 de novembro de 2008

TP - 1/8s final

Foi uma eliminatória com poucas surpresas, genericamente.

Apurados: FC Porto, Trofense, E. Amadora, Leixões, P. Ferreira, V. Guimarães, Nacional, Naval (LS), Portimonense, Vizela (LH), Ol. Moscavide, At. Valdevez (2ªD) e Cinfães*

* Falta realizar 3 jogos


No grande clássico: FC Porto1-1 Sporting

A 1ª parte foi má para o FC Porto e boa para o Sporting. Os portistas estavam irreconhecíveis: quer ofensiva (não existiram), quer defensivamente (muito fraco). O Sporting chegou naturalmente ao golo por Liedson. Surpreendente o falhanço de um veterano como P. Emanuel. Saltou detrás para a bola. Para além de não a ter acertado, nem sequer a viu. Fernando também não está isento de culpas. Mariano mais uma vez uma nulidade em campo. A 2ª parte foi bem mais equilibrada. A entrada de C. Rodriguez alterou o jogo. O FC Porto foi mais robusto e ofensivo, até à expulsão de P. Emanuel. Aí sentiu mais dificuldades e terminou o jogo como começou: encostado à baliza. No prolongamento, nada de novo. Foi necessário ir até as grandes penalidades onde o Porto foi mais feliz. Globalmente, o Sporting jogou melhor, foi mais consistente e não merecia ser eliminado.


Dos restantes jogos, destaco o Cinfães, o (para já único) resistente da 3ª Divisão que eliminou o Fátima e as equipas da 2ª Divisão, Ol. Moscavide e Valdevez, que eliminaram equipas da LH. Nota ainda para Cássio, guarda redes do P. Ferreira que defendeu todos os penaltis, acabando como sonho do Arouca e para o Sp. Braga. Depois de eliminado da TL, agora a TP. Ainda não vai ser desta que o clube vai ganhar algum título.

Imagens: Agência Lusa

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Semana Europeia


Estava a correr bem a ronda europeia (2 vitórias), mas Benfica e Braga foram impotentes na UEFA.

Vitórias - FC Porto e Sporting
Derrotas - Benfica e Sp. Braga

O Sporting venceu por 1-0 o Shaktar Donetsk graças a 1 golo de Derlei e garantiu a passagem histórica aos oitavos de final da prova.
O FC Porto, muito sortudo, ganhou no último minuto ao Dinamo Kiev por 2-1. Lucho e Rolando maracram os golos.
O Benfica desiludiu. Perdeu 0-2 no estádio da Luz. Não jogou bem e nem a defesa nem o ataque agradaram.
O Sp. Braga merecia outro resultado. Jogou bem, criou oportunidades mas não marcou. Quem não marca, sofre. Rentreria falhou demasiados
POSITIVO DA SEMANA: FC Porto e Derlei
NEGATIVO DA SEMANA: Benfica e Rentreria

domingo, 2 de novembro de 2008

LS - 7ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA


Trofense. À 7ª jornada conseguiu a 1ª vitória no campeonato e na 1ªLiga (0-2 em Setúbal). A impressão que transmite cá para fora, é que Ricardo Nascimento e Zé Carlos eram elementos perturbadores do colectivo, visto que só depois de terem saído, a equipa enveredou pelos bons resultados. Aliás, desde que Tulipa chegou, a sequência foi derrota - empate - vitória. Uma evolução positiva.
  • Benfica. Venceu ontem à noite em Guimarães pela margem mínima, muito graças à atitude que evidenciou na 1ª parte. Sidney, Suazo e Aimar foram os jogadores em destaque. Os encarnados estão à frente da concorrência, em 2º lugar
  • Liedson. O brasileiro do Sporting está de volta aos golos. O desta jornada foi decisivo na vitória por 0-1 em Vila do Conde. Bom regresso.
  • Leixões. Venceu à tangente o P. Ferreira, com Wesley e D. Valente a marcarem e com Beto a defender muito bem. Está na liderança. Pode ser sol de pouca dura, mas enquanto ele houver, faz-se a festa

NEGATIVO DA JORNADA

  • FC Porto. Perdeu pela 2ª vez consecutiva, desta vez com a Naval (1-0). A exibição e o resultado foram muito maus. Mais uma vez, o Porto saiu derrotado contra uma equipa mediana. Individualmente, destaco pela negativa Benitez (falhou muito). O problema não é Jesualdo Ferreira. O problema é que o clube vendeu bem e contratou muito mal. O resultado está à vista. Se bem me recordo, as contratações do plantel de Mourinho ou até de Adriaanse não tinham nada a haver com estas. Contratava-se jogadores nacionais, conhecedores do campeonato e baratos. Este ano contrataram-se muitos jogadores que estão a ter dificuldades de adaptação. Era necessário? Agora, não há nada a fazer ...
  • Auri. O central do V. Setúbal está irreconhecível. Tem tido falhas gravíssimas, umas atrás das outras. Esta semana, foi o responsável pela grande penalidade. A responsabilidade dos maus resultados não é só dele (também é do sector (in)ofensivo), mas tem culpa directa nos golos sofridos.
  • P. Ferreira. Está isolado no último lugar. O guarda redes adversário foi uma barreira sólida, mas 2 pontos em 21 em muito pouco

LH - 7ª Jornada

Foi uma jornada de muitos empates, o que fez com que quase tudo ficasse na mesma, porém há 2 resultados a assinalar: o do Gondomar e o do Olhanense.

POSITIVO DA JORNADA
  • Gondomar. Foi necessário esperar 7 jornadas para a 1ª vitória aparecer. Ontem à tarde, goleou em casa o Vizela por 3-0, pondo fim à crise que se vivia e subindo à 15ª posição, ainda que em igualdade pontual com o último.
  • Olhanense. É o líder isolado. Venceu num território muito difícil (Portimão) graças a um bis de Djalmir (outra vez brilhante) e um golo de Steven. Tem o melhor ataque, mas também a pior defesa.

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

LS - 6ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Braga (Leixões). Não são todos que bisam no Dragão e que marcam os golos da vitória. Muito menos ainda, recém-chegados à Liga vindos da 2ªD. Foi um resultado histórico para o Leixões e para José Mota, a vitória contra o FC Porto por 2-3. O Leixões é líder.
  • Nacional. Também é líder à 6ª jornada. Venceu o Setúbal por 1-0. É característica das equipas de Manuel Machado começarem bem o campeonato. O golo de Nené (o 4º) foi de grande penalidade.
  • Sp. Braga. Finalmente viu-se o Sp. Braga que tão tem impressionado a Europa na taça UEFA. Uma goleada sem mácula (5-0) ao E. Amadora.

NEGATIVO DA JORNADA

  • FC Porto. Derrotado em casa, liderança perdida, má qualidade jogo, uma defesa a falhar e o treinador contestado.
  • Daúto Faquirá. Os resultados são insatisfatórios. Pelo plantel que tem exigia-se mais. Desde a péssima prestação europeia às 2 derrotas consecutivas e ao jogo desinteressante, conclui-se que o Vitória está numa má fase.

Imagem: Lusa

LH - 6ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Beira Mar. Não há fome que não dê em fartura. Ao fim de 6 jogos, marcou pela 1ª vez, sendo logo 3. Venceu o Vizela, fora, por 0-3. Por conseguinte, conquistou a sua primeira vitória, afastando a crise e subindo na tabela classificativa
  • Igor Souza. Bisou e foi decisivo na vitória contra o líder Santa Clara (colocando a sua equipa a 1 ponto do 1º lugar). É responsável por 4 dos 7 golos marcados pelo Gil Vicente.
  • Djalmir. O ponta de lança brasileiro está com o pé quente. Voltou a marcar (6 golos em 6 jogos) o golo decisivo e deu 3 pontos ao Olhanense. É o melhor marcador dos campeonatos profissionais. Os 32 anos que tem, não lhe pesam nas pernas.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Carlos Garcia. O Vizela perdeu e sofreu 3 golos em casa, sem resposta. Caiu na tabela classificativa para zona de descida. Os resultados não aparecem e as expectativas estão a ser defraudadas. Não é grave (ainda estamos na 6ª jornada), mas terá de ser reflectido o que está a falhar
  • Oliveirense. Vai ser um campeonato muito sofrido. Não é só pelo plantel ser curto e o elevado nº de lesões. 5 pontos em 18 é pouco. Já agora, porque razão o convocado Tó Ferreira (guarda redes da subida) não é titular?

domingo, 26 de outubro de 2008

LS - FC Porto 2-3 Leixões


O FC Porto foi derrotado em casa ontem pelo Leixões, num jogo em que estes mereceram ganhar.

Começo pelos da casa. Nuno, na baliza, não teve culpa nos golos que sofreu, mas uma análise objectiva mostra 4 golos sofridos em 2 jogos. Esperava-se mais do guardião. Na defesa, culpas directas para Lino no 1º golo. Ele estava a fazer o quê especado a olhar para a bola? Deixou-a passar em vez de a cortar e, claro, um jogador por trás marcou.

Aos 30', o Porto sofreu o 2º golo. Mais uma vez o defesa portista passiva. 0-2 a soar a escândalo com claras culpas para os defesas (Sapu, B. Alves, Rolando e Lino). Braga marcou o golo leixonense.

Ainda antes da 1ª parte, Joel falha redondamente, comete grande penalidade, escusada e inocentemente, sobre Hulk. Um jogador com 28 anos não pode ser tão "anjinho", reacendendo saudades de Nuno Silva. O FC Porto reduziu por Lucho.

Na 2ª parte, Lisandro marca o golo do empate. Um remate potente (mais uma vez Joel comprometeu), sem hipóteses de defesa para Beto (esteve muito bem na partida)

Aos 79', o golo de Leixões. Braga faz um remate muito bem colocado, fortíssimo e que só parou no fundo das redes da baliza de Nuno. O Leixões está na liderança. Quem diria?

No final do encontro viu-se lenços brancos para Jesualdo Ferreira. Acho precipitado e ainda cedo para chegar tão longe.

Vejamos, o FC Porto nos últimos 4 jogos sofreu 8 golos, foi esmagado pelo Arsenal e perdeu 2 vezes em casa. Jesualdo Ferreira começou por fazer trocas na baliza. Tirou Helton e pôs Nuno. As circunstâncias assim o justificaram, mas ninguém esperava que o português trouxesse tanto azar. Desiludiu. Na defesa, Fucile continua a fazer falta (Lino ontem esteve muito mal) e a opção por Rolando em detrimento de P. Emanuel é muito discutível. Benitez e Stepanov não estão a fazer nada no plantel, porque quando têm oportunidades, desperdiçam-nas. Sapunaru ainda não convenceu. No meio campo, ainda não foi encontrado o sucessor de Paulo Assunção. Raul Meireles ainda está em adaptação, Fernando não tem sido opção e Tomás Costa ainda não provou nada (embora esteja a melhorar). Aliás ontem não percebi a substituição de Sapu por Mariano. O argentino é dos menos consistentes do plantel. Não compreendo a insistência nele. Ontem foi o que se viu - um zero em campo. Esta é das opções mais discutíveis do treinador.

Na frente, Rodriguez prometeu mais. Ainda não marcou um único golo para amostra. O FC Porto investiu muito nele e ele já jogou em quantidade suficiente para mostrar o que vale. Hulk, dos melhores reforços do clube, está-se a integrar bem. O FC Porto continua dependente da dupla Lucho-Lisandro, que aliás ontem marcaram.

Já aqui disse, o FC Porto perdeu jogadores influentes como Bosingwa, Quaresma e Assunção, mas não soube contratar bem. Vêem-se jogadores em adaptação, outros com muito por mostrar e a desiludir.

Quanto a Jesualdo Ferreira, acho ainda cedo para lenços brancos. Mas verdade é que as derrotas já são significativas e a qualidade de jogo insatisfatória. Se a equipa continuar assim, dificilmente será campeã.

O Leixões está a ser uma caixinha de surpresas. Quem diria? José Mota tem conseguido motivar a equipa e os resultados estão a aparecer. O plantel é mediano. Braga foi a figura da partida de ontem. Foi contratado ao Leça (muitas vezes atravessa-se o Atlântico, vai-se ao Leste europeu, etc, buscar jogadores, quando os há muito bons no clube da freguesia ao lado), e bisou no Dragão e já soma 3 golos marcados. O 2º golo então foi soberbo.


POSITIVO DO JOGO: Braga e Leixões
NEGATIVO DO JOGO: Joel, Lino e FC Porto
Foto: maisfutebol

Semana europeia

Resultados:
FC Porto 0-1 D. Kiev
Shaktar 0-1 Sporting
Sp. Braga 3-0 Portsmouth
H. Berlim 1-1 Benfica
Globalmente, correu bem: 2 vitórias, 1 empate e 1 derrota
Comentário rápido:
O FC Porto perdeu pela 2ª vez consecutiva na Champions. Desta vez sofreu 1 e em casa. Nuno, que expectativas tão altas criou, podia ter feito melhor no livre. Destaco pela negativa Mariano Gonzalez. O Porto continua sem marcar, a desiludir (este era considerado um dos jogos mais fáceis) e a comprometer.
O Sporting foi um sortudo. Não jogou o suficiente que justificasse a vitória, mas marcou o único golo da partida e isso é que interessa. Derlei com um lance de calcanhar apanhou Liedson bem colocado para marcar. Bom regresso do goleador, a valer 600.000 e permitir um grande passo rumo aos 1/8,
O Benfica podia ter feito melhor, ora não estivesse a ganhar. A 2ª parte correu mal e empatou.
O Sp. Braga foi a melhor equipa portuguesa. Goleou, em casa, o Portsmouth (quão humilhado se há-de estar a sentir o V. Guimarães) por 3-0. O esplendor táctico e estratégico de Jorge Jesus esteve a nu. Os ingleses foram estudados ao pormenor e os atacantes bracarenses foram muito eficazes. Bem se viu o mau perder inglês.
POSITIVO DA SEMANA: Liedson e Sp. Braga
NEGATIVO DA SEMANA: FC Porto

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Portugal 0-0 Albânia


"Deprimente", "abaixo de zero", "Escândalo", "Vergonha", "Frustante" - são as palavras que vão na alma dos portugueses e foram os títulos escolhidos pelos jornais de hoje para as suas capas. ABOLA ainda foi mais longe ao pôr Scolari na capa.

Foi de facto uma decepção o jogo de Portugal.

Empatou, mesmo a jogar contra 10, contra uma das equipas mais fracas da Europa.

Não foi na defesa que Portugal falhou. Foi na frente, com Hugo Almeida a fazer, mais uma vez, uma exibição horrenda. O jogador falha golos, bolas atrás de bolas e mesmo assim Queiroz é teimoso ao insistir nele. Almeida dizia, à uns tempos, que não vingou no FC Porto, por falta de motivação. E na selecção também o mesmo motivo? Se está desmotivado, que dê o lugar a outros. Nani e Scolari estiveram mal. Não jogaram para a equipa. Foram individualistas e egoístas e o colectivo saiu a perder.

Aliás, acho que o principal problema de Carlos Queiroz e o motivo pelo qual as coisas não estão a correr bem, é a falta de liderança no balneário. Há jogadores que não jogam para a equipa, antes para o individual. São vaidosos e egocêntricos.

Achei lamentável a arrogância com que Ronaldo, cheio de manias, contestou os assobios. Foram plenos de razão. Isto já para não falar de Queiroz, que não deu a cara no final do jogo. Não sabem assumir os erros nem as derrotas. Mas também dizer que empatar contra a Suécia é um bom resulatdo (!), mais vale é não dizer nada.

Não gostava de Scolari, mas a verdade é que ele deu sempre a cara e impunha o espírito de equipa e começo a ter saudades dele.

Das duas uma: ou a selecção começa a ter um espírito de equipa e estratégia, remando todos para a mesma direcção, ou as coisas vão correr muito mal, se é que já não estão.

Imagens: Site do Sapo e do jogo; Títulos: Banca de Jornais do Sapo

sábado, 11 de outubro de 2008

Suécia 0-0 Portugal - Marcar passo!


Portugal não foi além de um empate sem golos, fora, frente a um dos adversários directos.

"Do mal, o menos" é o que lembra dizer, porque a Suécia é um dos concorrentes directos à qualificação para o Mundial. Porém, verificou-se que Portugal foi qualitativamente superior e merecia ganhar. Jogou melhor, com Fernando Meira, a trinco e que esteve bem. A dupla de centrais voltou a ser uma já vista: Pepe e Bruno Alves, que não comprometeu. Enfim, a defesa estancou. No ataque, algumas dificuldades, a começar por Hugo Almeida. Ronaldo também não esteve muito inspirado.

Os suecos, na verdade, também não jogaram mal, mas foram inferiores na 2ª parte.

Portugal vê a distância para o 1º lugar ( o único que qualifica directamente) aumentar visto que a Dinamarca ganhou. Muita água há para correr, mas contra a Albânia, Portugal terá a obrigação de ganhar.
Foto: Agência Lusa

terça-feira, 7 de outubro de 2008

LS - 4ª Jornada


POSITIVO DA JORNADA
  • FC Porto. Boa resposta da equipa após o "horror" de Londres. O FC Porto jogou bem com Bruno Alves em plano de destaque individual. O clube já é o líder isolado da classificação.
  • Rio Ave. A "ferros" arrancou a 1ª vitória frente ao P. Ferreira num jogo muito emotivo e difícil. Gaspar, Chidi e Mateus foram os autores dos golos, que já faziam falta à equipa e que contribuíram para os primeiros 3 pontos do clube na Liga Sagres, aliviando alguma tensão que já se vivia em Vila do Conde.
  • Lito Vidigal. A minha opinião do técnico já era boa e cada vez mais melhor. O E. Amadora está a ter uma arranque muito bom de campeonato. É verdade que os adversários não são os de topo, mas para quem tem uma equipa jovem e muitos jogadores inexperientes na Liga, 10 pontos é muito bom.
  • Wesley. Sempre ele. Mais um golo (desta vez frente ao Benfica) e mais uma soberba exibição

NEGATIVO DA JORNADA

  • Paulo Sérgio (PF). Mais uma derrota e o Paços de Ferreira já sofreu 13 golos em apenas 5 jogos. É penúltimo classificado e soma apenas 1 ponto. Os 11s iniciais de Paulo Sérgio são muito discutíveis, a começar pela baliza e estendendo-se aos restantes sectores, verificando-se, também, uma grande irregularidade na titularidade dos jogadores.
  • Sporting. Afinal quem pagou a factura foi o Sporting. 2º clássico consecutivo perdido. Afinal a equipa não está assim tão bem. Derrotas com o Real Madrid, Barcelona, Benfica e FC Porto elucidam que a equipa não é competitiva perante as mais fortes. O falhanço de Grimi no 1º golo e a lentidão de Rochemback foram as falhas mais notórias.
  • Rentreria. Não pode falhar tanto. O Sp. Braga jogou melhor e merecia ganhar, mas o colombiano não soube finalizar.

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Sporting 1-2 FC Porto

O Sporting tornou a perder outro clássico, desta feito com o FC Porto, caindo o mito de que Jesualdo Ferreira não conseguia ganhar a Paulo Bento fora do Dragão.
O FC Porto jogou melhor e a vitória é justa.
Marcou 1º Lisandro Lopez, regressando aos golos. Tomáz Costa esteve muito bem ao fazer o cruzamento, ao invés de Grimi que foi muito lento a defender a bola e ainda por cima atirou-se para o chão. Caneira fez falta.
Ainda na 1ª parte, João Moutinho marcou de grande penalidade o golo do Sporting. Tomaz Costa foi muito anjinho no lance que deu origem ao castigo. Portanto, o argentino esteve no melhor e no pior.
O golo da vitória foi marcado por Bruno Alves, num livre exímio, sem hipóteses de defesa. Foi um pontapé fortissimo e muito bem executado.
No global, o Porto foi o que mais lutou pela vitória.
Fucile regressou aonde nunca devia ter saído (à lateral esquerda), Bruno Alves esteve excelente e Rolando ainda não transmite tranquilidade. Nuno também esteve bem na baliza. Aliás, acho que ele é que devia ser o titular do FCP, pois tem melhor qualidade que Helton, que falha nos jogos decisivos.
No Sporting, alguma passividade ofensiva e defensiva (Grimi). Rochemback vai jogando cada vez pior porque é muito lento. Não tem velocidade e o Sporting sai a perder.
Na verdade, o Sporting vai denunciando que o bom arranque de época foi uma mera ilusão, pois a equipa não tem competitividade para ganhar a equipas (mais) fortes. E aqui englobo 4: Real Madrid, Barcelona, Benfica e FC Porto.
Afinal, quem pagou a conta foi o Sporting...

domingo, 5 de outubro de 2008

LH - 5ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Portimonense. Goleou 5-2 após duas derrotas consecutivas, dando uma boa resposta à crise de resultados que começava a pairar. Mas é necessário que se diga: 3 golos na própria baliza que beneficiou de um total de 8 marcados é de muita sorte.
  • Oliveirense. Eis a 1ª vitória ao cabo de 5 jogos.
  • Vítor Pereira. Treina a equipa líder isolada da LH. Excelente recuperação à desvantagem de 0-1 na 2ª parte, fez o que lhe competia ao intervalo. O Santa Clara teve olho na contratação de Oliveira e Nuno Santos à Oliveirense. Para já, a estreia do técnico no campeonato está a correr muito bem.

NEGATIVO DA JORNADA

  • António Sousa. Algo não está a funcionar na montagem da equipa. Ainda não ganhou e pior: o Beira Mar ainda não marcou um único golo em 5 jogos e já encaixou 3. O sector atacante tem de ser revisto porque não podia estar pior.
  • Defesa do D. Aves. Sofrer 5 golos é muito mau, então quando 2 desses são de defesas da própria equipa ainda é pior. Muitos falhanços e desatenções no reduto mais recuado do CDA.
  • Daniel Ramos. A equipa está disfuncional e sozinha no último lugar da tabela classificativa. Nesta jornada, conseguiu marcar e até esteve a ganhar, mas não teve o engenho necessário para segurar os 3 pontos na 2ª parte. As opções de D. Ramos são discutíveis.

quarta-feira, 1 de outubro de 2008

Semana Europeia














BALANÇO
Vitórias (3): Sporting, Sp. Braga e Benfica
Empates (1): V. Guimarães
Derrotas (3): FC Porto, V. Setúbal e Marítimo

Um balanço globalmente mau para o futebol português

ANÁLISE

Uma palavra descreve o jogo do FC Porto: vergonha.
Perder 4-0 com o Arsenal e jogar tão mal, é uma vergonha para um clube com o prestígio do Porto. Jesualdo Ferreira apostou nas reservas, numa espécie de dar o jogo quase por perdido e deu primazia ao jogo com o Sporting no fim de semana. É a justificação que encontro para ter posto Benitez, Guarin, Tomás Costa ... O que ficaram Lino, Lucho (!) e Hulk a fazer no banco? Aliás esta política de contratações do Porto não é muito consensual. Vende os melhores jogadores por preços altos (até aí tudo bem) e depois compra muito, no exterior e com qualidade duvidável. O Porto criou oportunidades, é verdade, mas não concretizou nenhuma e levou 4.

O Sporting ganhou bem ao Basileia por 2-0. Após uma 1ª parte de fraco nível, o Sporting surgiu bem melhor na 2ª parte, com Derlei a ter uma influência decisiva. Romagnoli marcou o 1º golo e p brasileiro 2º. Este era o resultado que se impunha. Se o Sporting quer ir a algum lado, tinha de ganhar ao Basileia e ganhou.
O Sp. Braga continua a espalhar brasas na Europa. Só tem vitórias e nem um único golo sofrido para amostra. O adversário, apesar de fraquito, era o campeão eslovaco. Luís Aguiar, que o FCP dispensou, foi o marcador de serviço: bisou no encontro. Parabéns ao Sp. Braga!

O V. Guimarães é o falhado da época. Tanto queria a Liga dos Campeões, tanto esperneou pelo lugar do Porto (com quem "comprou" uma "quezilia") e nem à Taça UEFA foi. Se não conseguiu passar o Basileia e o Portsmouth, como seria numa Champions? É verdade que a arbitragem prejudicou o clube, mas ganha quem marca. Ontem o V. Guimarães empatou a 2 golos. Jogou bem, resistiu, mas não chegou. João Alves e Douglas foram os destaques individuais. A equipa deu o "berro" no prolongamento, mostrando não ter competitividade para jogar com equipas de campeonatos mais influentes. Já agora, e a propósito, será que valeu a pena a desistência da Liga Intercalar? O esgotamento de ontem disse tudo.

O Benfica foi a boa notícia do dia. Venceu com toda a justiça e mérito o Nápoles. Reys marcou o 1º golo e começa-se a afirmar. Fez uma exibição muito boa, tal como Katso e Nuno Gomes. O Benfica reagiu bem à pressão, ganhando, não sofrendo golos e garantiu a passagem à fase de grupos. A equipa de Quique Flores começa a entrar na linha.

O Marítimo confirmou aquilo que já se previa: perdeu. Mas só sofreu 2. Na verdade, deu luta ao Valência. Marcinho ainda fez os madeirenses sonhar, mas imperou a lei do forte.
O V. Setúbal foi protagonista de uma das goleadas da noite (5-2). Eu avisei que se Daúto soubesse montar bem a equipa, o resultado poderia ser outro. Se toda a desgraça começou nos centrais (Auri e Robson) e aí o treinador nada podia fazer, as opções atacantes foram o grande erro. O que ficou Bruno Gama a fazer no banco? Porque não foi titular? Mal o jogador entrou ao intervalo, a dinâmica ofensiva do Vitória foi completamente diferente para melhor, para além de ter marcado o 2º golo. E Leandro Lima? Porque razão foi Laionel titular? Um erro que custou demasiado caro.

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

LS - 4ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Raul Meireles (FC Porto). O médio portista fez uma grande exibição frente ao P. Ferreira. Marcou o 1º golo e fez uma assistência excelente para o 2º. O FCP, com esta vitória, reduziu distâncias e está a 1 ponto do 1º lugar
  • Reys (Benfica). O seu golo decisivo de belo efeito (trivela) na Luz no clássico frente ao Sporting foi muito bom. Quique Flores venceu pela 2ª vez e a equipa está a ganhar confiança e moral. Já reduziu distâncias e está bem lançada.
  • Luís Vidigal (E. Amadora). Quando muitos esperavam a derrota do E. Amadora no terreno do líder, o médio estrelista mostrou que ainda está aí para as curvas e bisou na Choupana. O Estrela está a fazer um campeonato tranquilo e creio que vai revelar alguns jogadores (uns perdidos nos caminhos do futebol, outros esquecidos pelos adeptos e outros por serem jovens e desconhecidos)
  • Marítimo. Esta jornada deveria ser das últimas de Sandri senão ganhasse. Como ganhou, continua no clube e afasta alguns fantasmas. A vitória por 2-0 foi justa e os madeirenses foram os melhores em campo. O Marítimo largou o último lugar e estreou-se a marcar (Marcinho e Djalma)
  • Naval. A equipa de Ulisses Morais está a arrancar muito bem. Tem um dos melhores ataques (6 gm) e ainda nenhum jogador bisou. Estou para ver até quando vai durar o estado de graça.
  • Braga (Leixões). Marcou o golo da vitória aos 85' e colocou o Leixões surpreendentemente na liderança. Depois do choque que foi a derrota pesada na TL (4-0), o puxão de orelhas está a dar óptimos resultados.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Belenenses. Nova derrota. Desta vez foi em casa e contra o Leixões. Só tem 1 ponto e as perspectivas não são animadoras. Já aqui disse, o plantel fraco e pouco ambicioso.
  • Sporting. Até o treinador Paulo Bento o admite, o Sporting jogou mal. Perdeu contra o velho rival e ainda por cima com uma exibição de nível muito baixo e com um penalty perdoado. O Sporting deixou muitas dúvidas. Dos 3 testes que vai ter esta semana, já reprovou no 1º
  • P. Ferreira. Tem 10 golos sofridos e 1 ponto em 4 jogos. É mau. O calendário desfavorável não explica tudo. A falta de consistência defensiva deve ser corrigida o quanto antes.
  • Rio Ave. 2 pontos conquistados fruto de 2 empates contra Benfica e FC Porto não chega. É pouco. Esta semana tornou a perder fora com o Setúbal. A margem começa a ficar curta...
  • Trofense. Não sei quem hei-de considerar o mais negativo. Se o treinador que despediu precipitadamente Conceição e apostou em Shéu, que de tácticas não percebe muito. Porque razão foi pôr 5 defesas contra o Guimarães? Ou, 3ª hipótese, Paulo Lopes que foi o culpado directo da derrota, visto que cometeu 2 frangos em 2 min. consecutivos. Mesmo assim, o Trofense tornou a marcar por Lipatin.

LH - 4ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA
  • Santa Clara. Chegou à liderança com uma goleada esclarecedora ao Portimonense por 3-0. A exibição foi bastante convincente com equipa a apresentar-se organizada defensiva o ofensivamente. Oliveira, Rincon e Lico marcaram os golos, sendo que 2 foram ensaiados nos treinos, pois a combinação de jogadas nas bolas paradas foi muito boa. Vítor Pereira está a mostrar trabalho.
  • Luiz Carlos (U. Leiria). O defesa está a surpreender pois à 4ª jornada é o único marcador da equipa e com apenas 2 golos já proporcionou 4 pontos à UDL. Esta semana marcou o golo da vitória em Penafiel e o Leiria conseguiu a 1ª vitória.
  • Estoril. Uma grande exibição frente ao Beira Mar, com Dagil e Luís Carlos a destacaram-se, permitiu ao Estoril a primeira vitória no campeonato. Este resultado vem numa fase de mudança no clube.
  • Vizela. Ufa! À 4ª foi de vez: a 1ª vitória, os primeiros pontos. A vitória por 2-1 ganha ainda mais significado porque a equipa esteve a perder. Conseguiu dar a volta ao jogo e saiu do último lugar.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Gondomar. As coisas andam a correr mal. A equipa não ganha, aliás, nem sequer marca golos. Até agora ainda não somou nenhum. Daniel Ramos há-de estar arrependido de ter dado a titularidade a António Filipe em detrimento de Nuno Santos, visto que este teve culpa directa no golo da derrota. Foi pior a emenda que o soneto. O Gondomar está em último e com motivos para reflectir
  • Beira Mar. Nem marca nem ganha. A regularidade que venha evidenciando desmoronou-se no Estoril, onde perdeu por 2-0. A equipa começa a defraudar as expectativas.

domingo, 28 de setembro de 2008

Vitória justa do Benfica ao Sporting


O Benfica venceu ontem o Sporting por 2-0.
Um resultado indiscutível quanto à tendência porque o Benfica jogou melhor e mereceu ganhar.

Marcou primeiro através de uma trivela de Reyes, o tal que explode ou estagna, assistido por Aimar. O 2º golo foi marcado por Sidnei na sequência de uma bola parada cobrada por Carlos Martins. O Benfica no global foi melhor que o Sporting e obteve mais que 3 pontos: quebrou a malapata de 3 épocas sem ganhar na Luz ao Sporting, recuperou terreno na classificação e obteve um bom tónico para 5ª feira.

O Sporting desiludiu. Quebrou contra o Barcelona e agora contra o Benfica. Demonstrou impotência em dar a volta a resultados desfavoráveis e a jogar contra equipas mais fortes. Quanto à arbitragem de que tanto se tem queixado, viu um penalty perdoado pelo árbitro. Agora não dizem nada?
Imagem: www.ojogo.pt

sábado, 27 de setembro de 2008

O boné nas conferências de imprensa

Ontem, no final do jogo FC Porto-P. Ferreira, nas habituais flash-interviews deparei-me com uma situação caricata.
Estava eu em frente ao televisor, quando, depois de um jogador pacence ter sido entrevistado, o treinador Paulo Sérgio entrou na imagem, de uma forma muito embaraçada porque não tinha o boné da publicidade na cabeça. Foi bem visível o seu nervosismo e atrapalhação a pôr o boné. Achei esta cena risível.
A questão do boné é um pau de 2 bicos. Se por um lado é uma forma do clube ganhar mais uns (poucos) trocos e assim poder satisfazer os seus compromissos, por outro lado é uma forma do patrocinador superar a concorrência porque se todos os outros pagam quantias avultadas para ter o seu logotipo no painel de fundo do cenário da entrevista, o do chapéu paga menos (no caso praticamente só investe no P. Ferreira) e tem um visibilidade no ecrã maior dado que está mais próximo da câmara e está na cabeça do entrevistado. Aliás, o acessório só é usado nas entrevistas da televisão. A projecção de cada empresa devia ser proporcional ao montante que investe em cada jogo e não em cada equipa.
Já agora fica a sugestão: porque não haver 2 bonés: um para o jogador e outro para o treinador, para evitar o que aconteceu ontem.

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

TL - 2ª Eliminatória - 2ª Jornada


POSITIVO DA JORNADA
  • Gondomar. Venceu pela 1ª vez esta época. Marcou por um autogolo de um defesa adversário, mas ganhou e é líder isolado.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Leixões. Foi eliminado esta tarde pelo Rio Ave e sai com o rótulo da pior equipa da competição, porque perdeu em casa e sofreu 6 golos em apenas 2 jogos. A exibição foi fracota e José Mota teimosamente optou por Berger. O resultado está à vista.
  • Vizela. Está praticamente eliminado da competição. Perdeu 4-1 na Amadora. Uma goleada que aparece num mau momento da equipa. Para além das coisas estarem a correr mal no campeonato, agora é goleado na TL e ainda por cima marca golos na própria baliza.

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

LS - 3ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA

  • Sporting. É líder do campeonato, registando só vitórias: 3 em 3 jogos. Veremos se "o primeiro milho é para os pardais". Postiga marcou um golo e fez uma boa exibição.
  • Nacional. É líder e ganhou num terreno complicado em Guimarães. Nené e Alonso marcaram os golos.
  • Paiva. Fez uma grande exibição frente ao FC Porto. É candidato a figura do campeonato, à semelhança de Eduardo e Beto, na época passada.
  • Wesley. É o sustento dos resultados do Leixões. Marcou o primeiro golo e fez uma assistência fantástica para o segundo

NEGATIVO DA JORNADA

  • Lori Sandri. Apesar do empate, a equipa joga mal, não ganha e não marca. As desculpas da arbitragem, traumas e desgaste europeu (imagine-se se houvesse viagem) não pegam. Esperava-se mais porque o Marítimo tem uma equipa razoável, é cumpridor e tem um grande orçamento. Continuo a achar que não foi uma boa escolha e que conhece mal o futebol luso e europeu.
  • Belenenses. Em crise financeira, directiva e desportiva. O plantel está-se a revelar fraquinho. Não percebi esta obsessão cega pelo mercado brasileiro (no nacional e na formação arranjava-se bem melhor). Houve falhas no plano desportivo e não será a substituição do treinador que resolverá o problema
  • Rui Silva, presidente do Trofense. Pareceu-me precipitada a saída de António Conceição, ao cabo de 4 jogos (LS e TL). É verdade que perdeu os 4, mas marcou nos 3 jogos da Liga. Não joga mal, mas também não apresenta resultados. Merecia mais o público trofense que ontem se deslocou à Figueira da Foz

COMENTÁRIOS

  • As declarações de Derlei

Derlei proferiu ontem declarações impostoras e despropositadas à televisão. Como jogador mais velho e ponderado não tinha nada que vir criticar o colega na comunicação social. Então é esse o espírito de grupo da equipa? Jogadores a criticarem-se uns aos outros. Se Derlei pretendia marcar pontos perante Bento, acho que não conseguiu, porque contrariou uma regra de ouro: a unidade do grupo. Estou para ver se vai ser sancionado disciplinarmente. Perdeu uma boa oportunidade para estar calado.

  • Paulo Bento x Vukcevic

Se por um lado, o jogador não tem mais hipóteses na equipa de Paulo Bento, pois este treinador, quando quer arrumar um jogador, fá-lo mesmo. Põe as suas quezílias pessoais à frente dos interesses reais da equipa. E aí, acho que sair em Dezembro é mesmo a melhor coisa que faz (veja-se o caso de Stojkovik). O Sporting vai perder um bom jogador, não sei se o motivo é assim tão grave que justifique a sua saída. Mas não concordei que viesse dizer isso para os media.

  • A noite negra do Sp. Braga

Faltou discernimento a Jorge Jesus na escolha do seu 11 inicial relativamente à gestão física dos jogadores. Com tantas opções no banco, porque razão apostou em homens cansados, já com muitos minutos nas pernas? Para que serve a preparação física? Resultado: uma derrota redonda por 2-0 e já 6 pontos perdidos em 9. César Peixoto foi expulso por palavras, quando a equipa já estava a perder. Anda com os ânimos muito exaltados. Uns joguinhos no banco a ver jogar, ir-lhe-á aclamar os ímpetos. Linz também foi protagonista pela negativa. Pontapeou uma bola contra o banco por não ter gostado da substituição. Foi de tal forma grave, que o árbitro até teve de intervir. A SAD não vai ter mão leve. Mas não foi só ... Frechaut teve culpa directa no 1º golo sofrido.

LH - 3ª Jornada

POSITIVO DA JORNADA

  • D. Aves. É o líder isolado do campeonato, ainda que tenha empatado. Sami já começa a dar nas vistas
  • Vitinha. Marcou o golo solitário da vitória do Feirense. Bom inicio dos fogaceiros
  • Messi, avançado do Olhanense. Um desconhecido com nome de estrela. Marcou o único golo dos algarvias, num lance de sorte.

NEGATIVO DA JORNADA

  • Vizela. É a única equipa que ainda não pontuou. Não estava à espera
  • Gondomar. Está a ter um arranque muito difícil. Para além de ainda não ter ganho ainda não marcou um único golo.
  • Estoril. Está a ser muito frio o arranque de época.

(Nota: Este post não sofrerá alterações com a conclusão do Oliveirense-Sp. Covilhã)

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Semana Europeia (Actualizado)

Balanço:
Vitórias 2 FC Porto e Sp. Braga
Empates 1 V. Setúbal
Derrotas 3 Marítimo, V. Guimarães e Benfica
O Sporting foi goleado pelo Barcelona. Um resultado justo.
O Sporting fez uma má exibição e poucas vezes foi à baliza do contrária, conseguindo reduzir por Tonel, na sequência de uma bola parada. A 1ª parte foi muito má e a equipa portuguesa bem pode dar-se por feliz por ter sofrido só um golo.
Se os sportinguistas estavam preocupados com o prestígio do clube após a derrota pesada 5-3 com o Real Madrid, então depois do resultado e do mau jogo de hoje bem podem pôr as mãos à cabeça, porque a imagem do Sporting está no chão.
O FC Porto venceu 3-1 o Fenerbahce. Foi um resultado justo mas o FCP teve de sofrer para vencer.
Entro muitíssimo bem no jogo a marcar por Lucho e Lisandro. Depois deixou-se adormecer, apostando erradamente no individualismo e perto do fim, Lino resolveu.
Um excelente resultado.
O Benfica foi derrotado em Nápoles. Esteve a ganhar mas nem 1 minuto durou a vantagem. Sofreu 3 e perto do fim conseguiu reduzir.
Os encarnados ainda não ganharam um único jogo oficial esta época: têm, 2 empates e 1 derrota, logo não jogo a eliminar.
A vida não está fácil. Osresultados não aparecem ... o Benfica corre o risco de ficar de fora das competições de prestigio (europeias). Algumas colocações no 11 pouco acertadas (Katsouranis, Maxi, ...), casos disciplinares, enfim desafinações, que dá a impressão de um "arrumar de casa" mas que já devia estar a dar resultados, ora não estivéssemos a falar de 2,5 meses de trabalho.
Mas, achei caricataa desculpa arranjada: a arbitragem (até aqui esta serve ...). O Benfica tem esta característica: arranja sempre desculpa para os fracassos.
Há que deixar de "tretas" e pensar em apresentar resultados e ganhar em casa, pois é uma eliminatória ainda por decidir.
O V. Guimarães perdeu por 2-0 e falhou uma penalidade. Está praticamente arrumado. Dificilmente dará a volta. Este fracasso europeu, vem tirar da ilusão os vitorianos e permitiu concluir uma coisa: o 3º lugar do ano passado foi um golpe de sorte. Digo isto porque bastaram sair 3 jogadores e aparecerem equipas europeias mais fortes que a equipa não consegue ganhar e passar uma eliminatória ...
O Marítimo confirmou aquilo que já se previa. Perdeu e deverá ser eliminado. Só me admira ter sofrido só um golo. Curioso ter estado pouco público no estádio. O plantel é fraco e a pré época de pouco serviu. O treinador parece-me mal escolhido pois tenho a sensação de que conhece mal o futebol português e europeu. Talvez tenha havido pouco rigor no planeamento da época. Espero estar enganado, o que só o tempo dirá.
O Sp. Braga foi o rei da noite europeia. Goleou num jogo de altíssima qualidade o Artemedia. Fiquei com a sensação que o adversário foi estudado ao pormenor e nada falhou. Meyong esteve perfeito: 3 golos. Está praticamente na fase de grupos, mas não pode facilitar.
O V. Setúbal teve o pássaro na mão e deixou-o fugir. Carrijo estreou-se a marcar, mas perto do fim, o adversário empatou. Agora, o V. Setúbal só tem de ganhar ou empatar com golos.

sábado, 13 de setembro de 2008

Luis Gonçalves - Prata nos Paralimpicos


PRATA
400 metros T12 (amblíopes)
Foto: Lusa

Cristiano Ronaldo - Bota de Ouro


Mais "um" ouro para portugueses. Não é nos jogos olimpicos nem nos paralimpicos, é no futebol e para o melhor jogador português da actualidade e um dos melhores do mundo:
CRISTIANO RONALDO

Trata-se da BOTA DE OURO, atríbuida ao melhor marcador do mundo.

Cristiano Ronaldo marcou a época passada 42 golos (no total), sendo o melhor marcador. O prémio merecido é hoje entregue no Funchal.

Mais um português a dignificar o nome de Portugal pelo mundo.

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Prata e Bronze no Boccia para portugueses


Mais 3 medalhas para Portugal nos Paralimpicos de Pequim no Boccia.




PRATA


Cristina Gonçalves, Fernando Ferreira, João Paulo Fernandes e António Marques


Em equipas BC1/BC2


PRATA


Bruno Valentim e Fernando Pereira


Pares BC4



BRONZE


Armando Costa, Mário Peixoto e Eunice Raimundo
pares BC3
.


Portugal fecha a sua participação no Boccia com cinco medalhas (uma de ouro, três de prata e uma de bronze).
Fotos: LUSA